Conheça o Jardim Botânico de Buenos Aires

Jardim Botânico de Buenos Aires

Olá pessoal!
Visitamos o Jardim Botânico de Buenos Aires, na Argentina, e trouxemos algumas fotos e fatos muito interessantes sobre o local.

O Jardim Botânico de Buenos Aires, que também é conhecido como Jardim Botânico Carlos Thays da Cidade Autônoma de Buenos Aires, está localizado no bairro de Palermo, próximo ao complexo denominado popularmente de “Bosques de Palermo”, uma grande área verde que compreende o Parque 3 de Febrero, El Rosedal, Planetário e várias praças, colados a um Jardim Japonês, Ecoparque, Zoológico e alguns museus.

Inaugurado em 07 de Setembro de 1898, possui uma área de 79.772m2, e além de uma grande coleção de plantas (mais de 1.500 espécies), o jardim também é famoso por suas inúmeras -e belíssimas – esculturas, espalhadas por todo o parque. É um Monumento Histórico Nacional desde 1996.

Escultura de Carlos Thays no Jardim Botânico de Buenos Aires
Escultura do paisagista Carlos Thays

O acesso ao Jardim Botânico é extremamente fácil, pois está localizado em um bairro muito tradicional (e turístico) de Buenos Aires, Palermo, e é possível chegar até ele de ônibus (várias linhas) ou metrô – a opção mais rápida e fácil. Basta descer nas estações de metrô Plaza Italia ou Scalabrini Ortiz (linha D, verde) e você já estará a menos de um quarteirão da entrada do Jardim!

A foto a seguir mostra o edifício central do Jardim Botânico, sede de sua administração, projetado pelo engenheiro polonês Jordan Wysocki, e construído em 1881:

Edifício administrativo do Jardim Botânico de Buenos Aires
Edifício administrativo do Jardim Botânico de Buenos Aires

O parque abriga uma Biblioteca Botânica e um Museu Botânico, além de possuir cinco estufas, que não estão necessariamente sempre abertas à visitação ao mesmo tempo, cada uma com uma temática distinta: De Propagação, Bulbosas, Cactus, Suculentas, e uma estufa principal, com espécies tropicais e subtropicais.

Estufa no Jardim Botânico de Buenos Aires
Estufa no Jardim Botânico de Buenos Aires

Outra estufa no parque:

Outra estufa do Jardim Botânico de CABA
Outra estufa do Jardim Botânico de CABA

Dentro do parque existe também a Escola Municipal de Jardinagem Cristóbal María Hicken, sob administração do Ministério de Educação da CABA (Ciudad Autónoma de Buenos Aires),e  uma horta educativa.

Estufa de Cactos no Jardim Botânico de Buenos Aires
Estufa de Cactos

Muitas espécies interessantes se encontram nas estufas do parque, como o cacto Mammillaria bocasana, na estufa de Cactos:

Cacto Mammillaria bocasana na estufa de cactos do jardim botânico de Buenos Aires
Cacto Mammillaria bocasana

Ou ainda a suculenta Euphorbia obesa:

cacto Euphorbia obesa no jardim botânico de Buenos Aires
Cacto Euphorbia obesa

E, do lado de fora da estufa, mais um pequeno jardim de cactos e suculentas:

Jardim de Cactos e Suculentas no Jardim Botânico da cidade de Buenos Aires
Jardim de Cactos e Suculentas

E eu ao lado do jardim, aproveitando o sol do dia:

Jardim de Cactos e Suculentas em Buenos Aires
Eu e o Jardim de Cactos e Suculentas

Um dos grandes destaques do parque é sua grande coleção de esculturas – 28 belíssimas esculturas, relacionadas à Natureza, Flora Argentina e Mitologia Greco-Romana, além de alguns bustos e monumentos.

Como exemplo, temos La Loba Romana, cópia em bronze do original da Lupa Capitolina, doada pelo rei da Itália Vittorio Emmanuelle III, ao Embaixador da República Argentina, Dr. Roque Sáenz Peña, em 1910:

Escultura "La Loba Romana" no Jardim Botânico de Buenos Aires
Escultura “La Loba Romana”

Outra escultura magnífica: Saturnalia, um grupo escultórico que representa uma cena da celebração religiosa pagã que era realizada anualmente pelos romanos, em honra ao deus Saturno:

Grupo escultórico Saturnalia
Grupo escultórico Saturnalia

Como último exemplo, temos a Columna Meteorológica (Coluna Meteorológica), um presente da comunidade austro-húngara ao governo argentino em comemoração ao Centenário da Revolução de Maio, em 1910, como forma de agradecimento ao país por receber muitas centenas de imigrantes:

Coluna Meteorológica no Jardim Botânico da CABA
Coluna Meteorológica

É isso aí pessoal! Se vocês estiverem viajando para ou por Buenos Aires, não deixem de fazer uma visita a esse parque, é realmente imperdível. Além disso, a entrada é gratuita!

Horários de funcionamento do parque:
No “verão” (22/09 a 21/04) está aberto de terça a sexta das 08:00 às 18:45, e aos sábados, domingos e feriados das 09:30 às 18:45. Não abre às segundas-feiras.
No “inverno” (22/04 a 21/09) está aberto de terça a sexta das 08:00 às 17:45, e aos sábados, domingos e feriados das 09:30 às 17:45. Não abre às segundas-feiras.

Também fecha em dias de tempo muito ruim e em alguns feriados específicos.

O site oficial do Jd. Botânico de Buenos Aires é http://www.buenosaires.gob.ar/ambienteyespaciopublico/mantenimiento/espaciosverdes/jardinbotanico

No próximo post vamos mostrar o Jardim Japonês de Buenos Aires, que fica próximo ao Jardim Botânico. Até lá!

 

Um comentário em “Conheça o Jardim Botânico de Buenos Aires

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *